2015 | 03

Rolezinho – Nome Provisório [cena curta]

[TRECHO]

Eu estou aqui de verdade. Há 500 anos, eu tô aqui e sei que ninguém me vê.

Já não durmo mais, porque estar na vida é uma coisa que mexe demais comigo. Eu não consigo dormir.

Então eu saio por aí inventando coisas: dei de inventar de encontrar o encontro. Por mais que não me vejam...

Encontrei de tudo em mim nessas catanças, e mesmo que chamem a segurança, por mais que não me vejam, só quando querem, eu não saio mais daqui. Meu lado de dentro Sinhá não leva!

Aqui é universo de possibilidade. Um pouco de possível, se não eu sufoco.

Eu vou criar o mundo aqui, em instantes eu vou criar o mundo e vocês vão ver e saber porque vocês fazem parte dele. Eu faço parte dele por mais que ninguém me veja.

Eu não quero nada dessas vitrines, lá de cima, eu vi as nossas migalhas e eu não quero.

Só me interessa a nova realidade criada: eu não sou mais criada! É necessário que eu diga.

Eu repito para quem ainda não viu: eu estou aqui, há 500 anos eu estou aqui. Não serei mais criada. Eu também quero criar, nem que seja desejos. Estou grávida de desejos e sentidos.

 

FICHA TÉCNICA

Direção: Alexandre de Sena
Dramaturgia: Jé Oliveira
Iluminação: Pedro Amparo
Atuação: Adriana Aparecida Saraiva, Alessandra Brito, Aline Vila Real, Ana Martins, Camila Viana, Dayane Gomes, Del Lopes, Dulce Piedade da Silva, Eduardo Bernardes, Efigênia Marya, Elisa de Sena, Eneida Baraúna Felipe Soares, Gil Amâncio, Jésus Almeida, José Soares da Cunha, Josi Tainá, Laura de Sena, Marivoa, Michele Bernardino, Nath Rodrigues, Pablo Rodrigues, Paulo Oliveira, Rafael Augusto, Raíssa Haizer Couto, Régis Oliveira, Renato Gualberto, Sabará Orlan, Sabrina Rauta, Sammer Lemos, Sheyla Sant’Ana, Sidnei Correia, Suelen Sampaio, Will Soares e Zaika Santos