2016 | 04

ENSAIO: festa-grande

> No dia principal da festa, Os Carolinos recebem as guardas e irmandades visitantes para, juntos, louvarem Nossa Senhora do Rosário, demais santos do panteão congadeiro, as nações africanas e os antepassados. Tais visitas mútuas estabelecem-se segundo a lógica da reciprocidade, dos dons e contra-dons, das dádivas partilhadas e são constituintes do universo dos reinados/congados, estabelecendo o ciclo anual do Rosário. No final do dia, é realizado um grande cortejo pelos bairros Aparecida e Nova Esperança, que marca com cores e sons o suposto cinza da periferia da cidade.

Ó minha mãe,
Ó minha mãezinha,
Ó minha mãe,
Ó minha mãezinha,
Lá no céu,
Cá na terra,
Ela é Rainha
Lá no céu,
Cá na terra,
Ela é Rainha